quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

A vida tem os seus mistérios não é mesmo? Mesmo com tantas plataformas tem hora que a gente não sabe para onde ir, momentos que a gente não enxerga a luz no fim do túnel e aí que lembramos que ninguém pode viver sozinho nesse mundo.”
Amor em 4 atos - Ela faz cinema

Nenhum comentário:

Postar um comentário